A máscara Sanavie Nível 90% pode ser considerada FFP2?

Não é possível fazer uma correspondência entre a certificação 90% (norma CWA 17553:2020) e a certificação FFP2 (norma EN 149). A primeira exige que as máscaras tenham uma eficiência de filtração de pelo menos 90% para partículas de 3 mícron, enquanto a segunda exige uma eficiência mínima de 94% para partículas de 0,3 mícron.
As máscaras Sanavie diferenciam-se das máscaras FFP2 ou N95 ou KN95 por:

• Apresentarem, após 25 lavagens, uma eficiência de filtração de 99% para partículas de 3 mícron, o tamanho mais pequeno das gotículas que transportam o vírus, o valor mais alto em máscaras semelhantes;

• Proporcionarem uma muito melhor respirabilidade e projeção de voz, devido ao tipo de materiais usados, do que as FFP2 quando bem adstritas ao rosto;

• Conseguirem uma perfeita adequação ao rosto, consequência do modelo patenteado;

• Serem menos agressivas para o ambiente, pois as FFP2 são de utilização única, enquanto que as máscaras Sanavie são reutilizáveis;

• O custo por utilização das Sanavie Mask é muito mais baixo.